Press "Enter" to skip to content

MOMENTOS DE ORAÇÃO DIA 18

VIVER EM COMUNHÃO

Refrão: Tudo está interligado, como se fôssemos um, tudo está interligado nessa Casa Comum.

Acendimento da Luz pascal: Bendito sejais, ó Ressuscitado, luz eterna que renovais hoje e sempre a criação inteira.

1. Abertura

– Verdadeiramente ressurgiu Jesus, (bis)

Catemos aleluia! Resplandece a luz! (bis)

– Se amor por nós firme para sempre, (bis)

Sua fidelidade dura eternamente! (bis)

– Seu divino sopro, vida, redenção, (bis)

Vem recriar o mundo, nova criação! (bis)

– Glória ao Pai, ao Filho e ao Santo Espírito, (bis)

Glória à Trindade Santa, glória ao Deus bendito! (bis)

– Paz e bem, irmãs, Paz e bem, irmãos! (bis)

Com todo o universo a Deus louvação (bis)

2. Recordação da vida

D.: Vamos recordar a grande teia da vida e nossa interligação com tudo que vive. Recordemos quais situações afetam hoje a vida da humanidade de toda a criação.

3. Salmo 104 (103) – CD Liturgia X, faixa 19

Aleluia, aleluia, aleluia,

vem, minh’alma, bendizer teu Senhor, aleluia!

Aleluia, aleluia, aleluia,

vem, minh’alma, bendizer teu Senhor, aleluia

1. Senhor meu Deus, como és tão imenso!

O teu vestido, esplendor e clarão,

como num manto de luz envolvido,

os céus desdobras, são teu barracão!

Tua morada, em cima das águas!

Montado em nuvens, tu voas no vento;

Dos ventos fazes os teus mensageiros,

como dos raios, ministros atentos!

2. Em suas bases a terra assentas,

inabalável pra sempre a assentaste;

Com o oceano, qual manto, a cobriste,

sobre as montanhas as águas pousaste!

Por teus trovões açoitadas correram,

montanha acima ou vales abaixo,

para o lugar que marcaste se foram,

não voltarão a inundar este barro!

3. Fazes brotar fontes d’água nas várzeas,

por entre as serras muralham riachos

e, enquanto os bichos sua sede saciam,

os passarinhos gorjeiam nos galhos!

De lá do alto tu regas os montes,

com teus favores a terra se farta,

para o rebanho o pasto forneces

e o ser humano co’as plantas regalas!

4. E o homem tira dos campos o pão,

seu coração com o vinho se alegra,

e o azeite ilumina-lhe a face,

com o alimento ele se regenera!

Foi o Senhor quem plantou estas matas

e satisfeitas se enchem de ninhos;

As cabras pastam nas altas montanhas

e os urubus nos rochedos vizinhos!

5. Fizeste a lua pros tempos marcar

e o sol se põe ao cumprir sua rota;

A noite desce e as trevas ocultam

da selva os bichos que rondam nas grotas!

Os leõezinhos em busca da presa

rugem pra Deus suplicando o alimento;

Renasce o sol, todos eles se entocam

e o homem sai a buscar seu sustento.

6. Quão numerosas, tuas obras, Senhor!

Tudo fizeste com sabedoria!

A terra, cheia de tantas criaturas,

e o mar abriga incontável família!

Todos esperam de ti o alimento,

jogas pra eles e logo recolhem;

Abres tua mão, ficam todos contentes,

por ti em tudo o que é bom se promovem!

7. Tua face escondes e se apavoram;

Se lhes retiras o ar, já se enterram;

O teu Espírito sopra e envias

todas as coisas renovas na terra.

Que do Senhor dure sempre sua glória,

com suas obras se alegre o Senhor!

Ele olha a terra e tudo estremece,

toca as montanhas, sai fogo e calor!

8. Por toda a vida ao Senhor vou cantar,

por toda a vida a meu Deus, meu louvor!

Que meu poema lhe seja agradável,

minh’alegria está no Senhor!

Desapareçam da terra os malvados

e gente ruim não exista jamais!

Vem, ó minh’alma, bendize ao Senhor,

glória ao Deus trino e na terra haja paz!

4. Palavra de Deus: 1Cor, 12,12

L.: Porque, assim como o corpo é um só apesar de muitos membros, e todos os membros do corpo, embora sendo muitos, são um só corpo. Assim também é Cristo.

D. Tudo está relacionado, e todos nós, seres humanos, caminhamos juntos como irmãos e irmãs numa peregrinação maravilhosa, entrelaçados pelo amor que Deus tem a cada uma de suas criaturas e que nos une também, com terna afeição, ao irmão sol, à irmã lua, ao irmão rio e à mãe terra (cf. LS 92).

5. Pai nosso

6. Oração: Deus de amor, mostrai-nos nosso lugar neste mundo como instrumentos de vosso carinho por todos os seres desta terra, porque nem um deles sequer é esquecido por Vós. Iluminai os donos do poder e do dinheiro para que não caiam no pecado da indiferença, amem o bem comum, promovam os fracos, e cuidem deste mundo que habitamos. Por Cristo Nosso Senhor. Amém.

7. Compromisso: Como podemos nos sentir mais interligados com a Casa Comum? Sugestões: Escolher algum aspecto, ou uma palavra, da oração de hoje, para continuar meditando no restante do dia.

8. Bênção: O Guarda e defensor nosso, que fecunda toda a Terra, acompanhe e proteja sua criação.

Canto

Louvado sejas, meu Senhor,/ Por todas tuas criaturas!

//Pelo trabalhador do campo/ Que arranca o pão da terra/ Pra família sutentar//